navegaeter1.jpg (2805 bytes)
Feminino Plural - Terra


Árvore da vida

JARDIM SECRETO

Plantio de Sementes

Árvore dos sonhos

 



A minha árvore de Natal é a minha árvore genealógica: através dela, recebi todos os dons de que desfruto.

Cultive sua árvore

Às vezes a gente esquece que só está aqui porque alguém esteve aqui antes. Um dias desses eu me esqueci disso, e meu irmão, com muita gentileza, me lembrou da verdade tão simples: querendo ou não, a gente deve o ato de ser aos ancestrais. Pai, mãe, avós, bisavós, tios - toda a "parentalha", com quem às vezes nos irritamos, é a nossa gente, a gente a quem cada um de nós deve a própria vida.

Sem os que vieram antes, não haveria você nem eu. É simples assim. Então, por que nós nos lembramos tão pouco de honrá-los e agradecer-lhes? Em algumas culturas tradicionais, como a japonesa, há sempre um altar na casa para honrar os ancestrais. Na nossa, são ignorados. Já conheci muita gente que não sabia nem o nome dos avós.

No entanto, a história desses avós, os genes desses avós, bisavós e os que vieram ainda antes estão impressos na sua vida, vivendo em você, pulsando no seu sangue. O seu corpo é uma espécie de obra coletiva do corpo deles. A sua mente é a soma tanto dos fatores genéticos como das opções de vida que eles fizeram. Você nasceu onde nasceu porque alguém veio de algum lugar para viver ali.

Mas você percebe o quanto estão em você? Percebe o quanto você é eles? Entende o grau de ligação, inexorável, impossível de ser rompida, que há entre vocês?

Independentemente de qual seja sua relação com seus pais e avós - positiva, negativa, neutra - nesta coluna do Jardim Secreto minha proposta é que você os honre de alguma forma, reconhecendo a importância literalmente "vital" que tiveram/têm na sua existência e ajudando, assim, a curar possíveis feridas que possam existir no seu relacionamento com eles e até em padrões familiares de comportamento que sejam negativos.

Para isso, sugiro três atividades diversas. Você pode escolher uma delas, ou criar a sua própria. Como cada família forma uma espécie de "árvore da vida" - com as gerações se sucedendo em troncos (e daí vem a arvore genealógica), as atividades envolvem, sempre, a imagem de uma árvore, da qual você é parte.

HONRANDO OS ANCESTRAIS

Atividade 1 - Meditação da árvore
Sente-se em um lugar tranqüilo. Se puder, sente-se ao ar livre, perto de uma árvore
Visualize uma enorme árvore. Agora, pense em você como uma folha ou flor dessa árvore. Sinta como, de alguma maneira, você está conectada com todos os elementos dela. Como a seiva teve que viajar por raízes, galhos, troncos, para chegar a você. O quanto você precisa das outras folhas para que haja vida. Sinta a troca que ocorre entre você e o meio ambiente e entre você e o restante da árvore.
Quando sentir que completou a meditação, agradeça à todos os que permitiram que você viesse a existir.

Atividade 2 - A árvore que nós somos
Essa é uma atividade muito simples, mas que simboliza o respeito pela árvore da vida. Escolha uma árvore que você acha particularmente bonita, e pela qual você passa com freqüência. Adote essa árvore como símbolo da sua família. Toda vez que passar por ela, se estiver a pé, pare e toque, ainda que discretamente, na árvore, ao mesmo tempo que agradece aos seus ancestrais pela vida que recebeu. Se puder, e ela estiver em um local onde isto é permitido, cuide da árvore, fazendo a sua manutenção, podas etc. Se quiser, deixe "presentes" para a árvore, que serão encontrados por outras pessoas - uma fruta, um pequeno livro, uma flor. Não interessa quem vai encontrar o presente ou desfrutar dele. A vida é para ser assim: a gente faz o bem sem esperar efeito - assim como os seus ancestrais fizeram bons atos que geraram as suas boas qualidades.

Atividade 3 - A sua árvore das virtudes
Desenhe uma árvore, ou recorte em papelão. Aos poucos, vá acrescentando folhinhas - em cada uma, coloque o nome de alguém de sua família, vivo ou morto, e uma qualidade que essa pessoa tinha. A cada nome acrescentado, diga algo como "Esse é o fulano, e tem tal qualidade, pela qual lhe sou muito grata/o". Sempre que lembrar, acrescente mais um nome e a sua respectiva qualidade. Assim, você estará construindo a sua maravilhosa árvore das virtudes, qualidades que estão presentes em sua linhagem e às quais você tem pleno direito.

Alto da página

  Página Inicial das Sementes  

Dúvidas ou sugestões, escreva para
webmistress@femininoplural.com.br